segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Decisão sobre Jerusalém é ameaça à paz, diz Macron


Presidente francês fez o alerta ao primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu; ele lidera esforço diplomático para reverter anúncio de Trump

O presidente da França, Emmanuel Macron, que assuniu posição contrária à oficialização de Jerusalém como capital de Israel (Ludovic Marin/Reuters)
O presidente francês, Emmanuel Macron, disse neste domingo ao primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, que a decisão do presidente americano Donald Trump de reconhecer Jerusalém como a capital de Israel significa uma “ameaça à paz”. O encontro entre os dois líderes ocorreu em Paris, na França.

Macron tem sido a principal voz da Europa na condenação da decisão de Trump, que foi anunciada na semana que passou. Antes de se reunir com Netanyahu, ele conversou com o presidente da Turquia, Recep Erdogan, para tentar negociar um esforço diplomático que convença Trump a recuar do anúncio de transferência da embaixada dos Estados Unidos em Israel da cidade de Tel Aviv para Jerusalém.

O status de Jerusalém é um dos principais pontos de discórdia entre israelenses e palestinos. As duas partes reinvidicam que a cidade seja reconhecida como sua capital (no caso de palestinos, o lado oriental), pois ela abriga locais considerados sagrados para judeus, cristãos e mulçumanos.

Veja.com
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

LER MAIS:

Açaí do Roni

Açaí do Roni
Feito com água mineral

Seguidores

BLOG ZAP NOTÍCIAS

BLOG ZAP NOTÍCIAS

ALTER DO CHÃO

ALTER DO CHÃO

MULTY AMARGO

MULTY AMARGO

NOTÍCIAS ATUALIZADAS

NOTÍCIAS ATUALIZADAS

DISTRIBUIDORA ATACK

DISTRIBUIDORA ATACK

Venha conferir nossos preços

Venha conferir nossos preços

Venha fazer suas compras aqui

Venha fazer suas compras aqui

Publicidade:

Publicidade:

Marcadores