quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Juiz decreta prisão de ator que ficou nu e foi tocado por crianças. Verdade ou Mentira?


Deputado e Pastor Marcos Feliciano pede prisão do ator que ficou nu e foi tocado por crianças em uma exposição no MAM em SP.
O pedido de prisão foi aceito e expedido pelo Juiz da 5ª Vara da Infância e da Juventude que decretou prisão nesta tarde.
Policiais do 6º BPM cumpriram mandado de prisão contra ‘Wagner Shwartz da performance La Bête” e o “artista” foi levado para o IML para fazer exames.
Wagner Schwartz, de 44 anos, é acusado de pedofilia após interação de criança com homem nu, dentro Museu de Arte Moderna (MAM), em São Paulo.  A performance de Wagner Schwartz vem causando espanto e até revolta nas redes. Ele se apresentou nu durante mais de uma hora e os  espectadores (crianças) o tocavam.
O Artista é acusado de ter cometido abuso sexual e (Estupro de Vulnerável  – Art. 217-A) dentro do MAM na cidade de São Paulo. Em audiência de custódia realizada hoje, o juiz Edgard Marzola Colombini entendeu que houve estupro na ação do acusado ao incentivar que crianças lhe tocasse pelado.
Além do ator, a justiça indiciou também, a mãe da criança que incentivou a tocar o “coreógrafo” e mais 6 pessoas que organizaram o evento. Todos foram indiciada por  violência sexual e (Estupro de Vulnerável  – Art. 217-A) e decretada a prisão dos envolvidos.
O Juiz ainda citou o  artigo 240 do Código Penal Brasileiro:
“Art. 240.  Produzir, reproduzir, dirigir, fotografar, filmar ou registrar, por qualquer meio, cena de sexo explícito ou pornográfica, envolvendo criança ou adolescente Pena – reclusão, de 4 (quatro) a 8 (oito) anos, e multa.”
Vereadores e Deputados já entraram com uma ação judicial contra o MAM por prática de pedofilia, porém o próprio Museu já deixou claro que havia o aviso de que era proibida a entrada de crianças, mas mesmo assim a mãe da criança a quis levar, ou seja, jogando a culpa toda para a mãe da criança.
O prefeito de São Paulo divulgou um vídeo de repúdio em relação a performance “artística” que aconteceu no Museu de Arte Moderna de São Paulo.
NOTICIAS FALSA 
O Tribunal de Justiça de São Paulo divulgou um comunicado na tarde de segunda-feira informando que a notícia é falsa. “As notícias inverídicas afirmam que um magistrado paulista teria decretado a prisão do homem pelo crime de abuso sexual. Além disso, o nome do juiz indicado no texto também é inexistente”, diz o comunicado.
O Tribunal de Justiça esclareceu ainda que não há em andamento nenhum processo na área criminal sobre o caso. “Existe apenas procedimento de apuração de infração administrativa às normas de proteção à criança ou adolescente. O caso foi distribuído na Vara Central da Infância e Juventude da Capital e corre em segredo de Justiça.”
Na semana passada, depois que um vídeo da interação entre uma criança e um artista nu rodou as redes sociais e despertou críticas, o negou que a apresentação tivesse conteúdo erótico. A instituição ainda frisou que a menina estava acompanhada da mãe na sala, quando tocou os pés do performer, no centro da exibição.
O artista, totalmente nu, ficava imóvel ao centro da exibição, na noite de terça-feira. Os espectadores então podiam trocar a posição de seus braços e pernas, colocá-lo deitado no chão, interagir da maneira que quisessem. Segundo o MAM, a sala “estava devidamente sinalizada sobre o teor da apresentação” e avisava sobre a nudez artística. A performance “La Bête”, realizada em evento de inauguração da mostra, não tem conteúdo erótico e propõe uma leitura interpretativa da obra “Bicho”, de Lygia Clark. Na avaliação do MAM, as críticas de que a interação em “La Bête” foi inadequada tiram a performance do contexto.
Fonte: portalcm7.com

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

LER MAIS:

Seguidores

BLOG ZAP NOTÍCIAS

BLOG ZAP NOTÍCIAS

ALTER DO CHÃO

ALTER DO CHÃO

MULTY AMARGO

MULTY AMARGO

NOTÍCIAS ATUALIZADAS

NOTÍCIAS ATUALIZADAS

DISTRIBUIDORA ATACK

DISTRIBUIDORA ATACK

Venha conferir nossos preços

Venha conferir nossos preços

Venha fazer suas compras aqui

Venha fazer suas compras aqui

Publicidade:

Publicidade: